Explosão em cilindro de gás destrói parte de cozinha de restaurante em Pirapora

JORNAL E M

Parte da cozinha de um restaurante foi destruída por uma explosão na noite de sábado em Pirapora, no Norte de Minas Gerais. O acidente aconteceu durante a substituição do cilindro de gás que alimenta a cozinha do Restaurante Egnaldo, que não abriu neste domingo para os trabalhos da perícia. 
O estabelecimento, que fica na Avenida São Francisco, em frente ao cais do porto, é um dos mais tradicionais da cidade. Ele tem como carro chefe de seu cardápio a moqueca de surubim do Rio São Francisco, muito apreciada pelos moradores e turistas que visitam a região. Conforme o proprietário do restaurante, Egnaldo Barbosa de Araújo Júnior, o acidente aconteceu por volta das 21h. “Nossa equipe é toda treinada para fazer esta troca que é um serviço de rotina.  Nossas cozinheiras desligam todas as panelas, os garçons mantem vigilância sobre qualquer eventual  vazamento. Na hora do vazamento o funcionário que fazia a troca, ao sentir a pressão do vazamento na válvula de retenção, e  não conseguindo impedi-lo,  desligou imediatamente a chave geral do restaurante, e tomou as medidas de seguranças já treinadas com a equipe”, explicou o empresário. “Como tudo já estava desligado, os fogões também,  agora somente a perícia poderá esclarecer o motivo da explosão. Eu imagino, que possa ter sido alguma brasa na churrasqueira ainda acesa que tenha causado  o acidente”. 
Egnaldo diz, ainda, que a ação rápida do Corpo de Bombeiros evitou que o acidente tomasse proporções maiores. No momento da explosão, apenas cinco mesas estavam ocupadas na parte externa do restaurante. Apesar do susto, ninguém ficou ferido.