Itacarambi realiza Seminário do Plano Diretor recursos Hídrico da Bacia Hidrográfica dos Afluentes Mineiros do Médio São Francisco – SF9

Itacarambi realizou na manhã desta sexta-feira (02/10) o Seminário do Plano Diretor de recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica dos Afluentes Mineiros do Médio São Francisco – SF9. O evento contou como apoio da Prefeitura Municipal de Itacarambi e com a participação de várias autoridades políticas e celebridades da área ambiental. Estiveram presentes no evento vários prefeitos da região Norte Mineira, como também do Deputado Estadual Carlos Pimenta. O intuito do seminário foi à criação de um projeto para recuperar a Bacia Hidrográfica do Rio Pandeiros. Ou seja, uma cobrança pelo uso de recursos hídricos para definir diretrizes a ser instituída no âmbito do respectivo Comitê da Bacia.
No seminário foram discutidos vários programas sobre o incremento da oferta de água. Como regularização de vazões, Ampliação da segurança hídrica no meio rural, pratica conservacionais em propriedades rurais, controle de erosões em estradas vicinais, controle da poluição de origem agrícola e outros programas de grande relevância. Depois que os conselheiros aprovaram o Plano Diretor, o mesmo foi entregue para os prefeitos e representantes. Vários alunos das escolas do município de Itacarambi apresentaram coreografias com o tema ‘’COMO SALVAR O RIO SÃO FRANCISCO’’.
Por que participar de comitês?
Ao fazer parte de um comitê, o conselheiro poderá interferir e participar ativamente da gestão das águas da bacia onde ele está inserido, com direito a voz e voto. Ele será responsável por discutir e definir questões importantes como as ações e os investimentos prioritários para bacia, as metas de qualidades para os cursos de água da região, considerando os diferentes usos, a cobrança pelo uso da água, a aprovação ou não de outorga de empreendimentos de grande porte e com potencial poluidor, dentre outros. Os conselheiros também têm papel fundamental de arbitrar os conflitos pelo uso da água em sua bacia.
Conheça a Bacia
Bacia Hidrográfica dos Afluentes Mineiros do Médio São Francisco – SF9
A Bacia Hidrográfica dos Afluentes Mineiros do Médio São Francisco está inserida na mesorregião Norte de Minas, onde estão municípios como o de Januária. Abrangendo um total de 17 sedes municipais e apresentando uma área de drenagem de 31.258 km², a bacia possui uma população estimada de 260.437 habitantes. O clima na bacia é considerado semiárido, havendo um período seco anual superior a seis meses. A disponibilidade hídrica na bacia situa-se entre dois e 10 litros por segundo por quilômetro quadrado, com exceção das nascentes, onde se situa entre 10 e 20 litros por segundo por quilômetro quadrado.
Municípios que compõe a bacia:
Bonito de Minas, Brasília de Minas, Chapada Gaúcha, Cônego Marinho, Formoso, Ibiracatu, Itacarambi, Jaíba, Januária, Japonvar, Juvenília, Lontra, Luislândia, Manga, Matias Cardoso, Miravânia, Montalvânia, Pedras de Maria da Cruz, Pintópolis, São Francisco, São João da Ponte, São João das Missões, Urucuia e Varzelândia.  .
Por Vailton Ferreira
                                                                     RAMON, PREF. DE ITACARAMBI
                                             DEPUTADO CARLOS PIMENTA
                                                                     
                                                                        RAMON RECEBENDO O PLANO DIRETOR
                                                                        JORDÃO, PREF. DE MONTALVANIA