Vereador de Juramento é baleado com dois tiros em praça da cidade

Um vereador de Juramento, no Norte de Minas, foi baleado em uma praça no Centro da cidade na manhã desta quinta-feira (23). A esposa dele disse ao G1 que o vereador fez uma corrida de táxi da zona rural até o centro e foi baleado por outro taxista ao chegar na praça. A família suspeita que a motivação da tentativa de homicídio seja uma briga antiga na Justiça por disputa no ponto. Antes de ser eleito como vereador, Enedino Braz de Almeida Araújo (PSDB), trabalhava como taxista na cidade.
“Ele foi até a zona rural de Santa Cruz para trazer uma senhora para Juramento. Na praça, ele embarcou a senhora em um táxi para ela continuar viagem até Montes Claros. Neste momento, um outro taxista chegou até ele e perguntou o porquê dele estar olhando para ele; nesta hora, o taxista foi até o carro, pegou uma arma e atirou contra o meu marido que conseguiu entrar no veículo e dirigir até o posto de saúde”, explica Marina Josiele.
O Samu foi até a unidade de saúde e socorreu o vereador até um hospital de Montes Claros. Ele foi atingido por um tiro no peito e outro no braço. Segundo a esposa, a vítima ficou consciente o tempo todo. A assessoria do hospital informou que o estado de saúde do parlamentar é estável.
Segundo a Polícia Militar, o carro que o suspeito utilizou na fuga foi encontrado na MG-308, na estrada que liga Juramento à Montes Claros, mas ele ainda não foi localizado

A assessoria da Câmara de Vereadores de Juramento informou que Enedino Braz de Almeida Araújo (PSDB) está no primeiro mandato e foi eleito com 106 votos.(g1 grande minas)

Comentários